Mais uma estrelinha no céu....

Sei que faz tempo que não coloco nada nesse blog e, como bem disse a Luisa, a Louca dos Gatos, me sinto uma relapsa pela ausência. Mas vou tentar compensar isso da melhor forma possível. O post de hoje não é dos melhores, infelizmente. Ontem, o Adote um Gatinho perdeu mais uma gatinha... a FRAN, irmã da minha Fifi, que também sofria de câncer, já havia sido operada e estava com metástase no pulmão, entre outros problemas... uma tristeza só. Magrinha, pele e osso, sofrendo e triste.
Juro, não consigo entender o sofrimento dos animais. O ser humano vive acumulando motivos pra passar por poucas e boas, mas os bichos??!!... Acho que nunca vou entender nessa vida. Quem sabe depois...
Pra quem não conhecia, essa é a Fran:




5 comentários:

Anônimo disse...

Oi Lucy, vi a triste notícia no blog da Nice... Fiquei triste porque tenho uma senhorinha com cancer também (12 anos - a Peta), sendo muito egoista gostaria que pudessem viver para sempre, mas como não é possível, ando pedindo a Deus que minha menina tenha uma passagem tranquila, porque assim como você não entendo porque eles necessitem sofrer. Beijos, fique com Deus e tenha certeza que o céu ta ficando muito alegre com tantas estrelinhas. (Ana)

disse...

oi, moça. como te escrevi no email, tenta se animar. vc fez o que pode e essas coisas acontecem, não podemos cuidar de todos eles, infelizmente.

um abraço meu e outro da gigi!

Silvia disse...

Oi Lucy, obrigada pela visita!
O trabalho e o carinho imenso que vocês dedicam aos gatinhos do abrigo fazem a diferença na vida deles; acredito que eles também estão cumprindo uma missão aqui, e por isso passam por provas que não compreendemos ainda, mas nos deixam um exemplo de vontade de viver e de acreditar que é lindo! vi nos blogs as despedidas e o amor dedicado à Fran, isso já mexe com o coração de todo mundo...
Um beijo, recheado de carinho e admiração!

disse...

Lucy, mudando de assunto, tirei trocentas fotos da Gigi e vou colocar algumas no blog daqui a pouco! :)

Louca dos Gatos disse...

ai, muito triste!